//for don't appear more videos in youtube

junho, 2018

22jun21:3022:20Na ausência do meu corpo21:30 - 22:20

Ver Mais

Detalhes do Evento

Na Ausência do Meu Corpo

“Na Ausência do Meu Corpo” é um solo que se desenvolve como um retornar a casa. A casa é o corpo, em movimento, que revela o seu jogo de texturas, ritmos, tonalidades e impressões. A casa, ainda, como um núcleo de sensações que faz corpo com o mundo, estendendo uma própria geografia do sensível.

O corpo como matéria de uma vida. Em diálogo com a sombra e a luz, o corpo cria uma nova superfície visível e uma nova forma de viver a paisagem. O que fica na ausência do corpo? Uma memória do movimento que está em permanente transformação.

“Certamente, a vida (…) está relacionada com zoe, com uma pura animalidade desnuda, despossuída. No entanto, ela nunca perdeu o sentido de vida como génese, ou autogénese, como intensa força, impermeável, móvel e sem limites, que não exigiria que nada a determinasse, nem mesmo termos com bios e zoe.”UNO, Kuniichi

Ficha Artística Direção artística, coreografia e interpretação | Marina Nabais; Assistência ao projeto/consultoria | Joana Pupo; Música Original e interpretação | Joana Guerra; Habitáculo | Nuno Nogueira e Ana Sargento; Desenho de Luz | Miguel Cruz; Vídeo e fotografia | Tiago Melo Bento; Programação de vídeo | Manuel Abrantes; Produção Executiva | Sara Santana; Produção | Marina Nabais Dança, associação cultural

Apoios | Arquipélago – Centro de Artes Contemporâneas, Câmara Municipal de Almada, Companhia Clara Andermatt, Governo de Portugal/Direção Geral das Artes, Polo Cultural das Gaivotas | Boavista, Junta de Freguesia de Benfica/Auditório Carlos Paredes, Teatro Extremo

Agradecimentos | Ana Coimbra Oliveira,Carla Ribeiro, Janete Maximiano, Joana Mealha, José Álvaro Correia, Nádia Nogueira, Rita Borges, Samuel Rodrigues

Hora

(Sexta) 21:30 - 22:20

Local

Teatro-Estúdio António Assunção

Organizado por

Teatro Extremo

X