//for don't appear more videos in youtube

maio, 2018

19mai11:3012:30Larasati ou Canções de Adormecer Estrelas11:30 - 12:30

Ver Mais

Detalhes do Evento

“Larasati ou canções de adormecer estrelas” Elisabeth Davies e Teresa Gentil (Lisboa, Portugal)

P/todos bebés dos 3 aos 24 meses (1ª sessão) e dos 2 aos 5 anos (2ª sessão); 40 minutos; MÚSICA

A companhia

Elizabeth Davies Licenciada em música pela Universidade de Nottingham e em Percussão pela Royal Academy of Music, Londres. Timpanista e chefe de naipe de percussão da orquestra Sinfónica Portuguesa do Teatro Nacional de São Carlos desde 1993. Timpanista da Orquestra Sinfónica do Porto entre 1989-1993. Em 2007, a convite da Embaixada da Indonésia e da Fundação Oriente, obteve formação em Gamelão na ilha de Java.

Teresa Gentil Compositora, performer e investigadora no Inet-MD (Instituto de Etnomusicologia). É licenciada em Composição, pós-graduada em Educação e mestre em Etnomusicologia. Compôs para mais de 30 peças teatrais e colabora regularmente com o serviço educativo da Casa da Música, Fábrica das Artes (CCB) e Plano Nacional de Leitura. Editou quatro
álbuns de originais e foi distinguida com o prémio Zeca Afonso, atribuído pela Câmara Municipal de Almada.

 

O espetáculo

Três países: Indonésia, Inglaterra e Portugal. Três meninas: Elizabeth, Teresa e Larasati (que significa, em Português, menina bonita. É o nome dado ao Gamelão do museu do Oriente). Canções de adormecer estrelas é um espetáculo musical participativo para bebés, que explora timbres e texturas resultantes do interlaçar das melodias de três canções distintas, mas compostas com o mesmo propósito. À voz e ao piano preparado, junta-se esse extraordinário conjunto/orquestra de percussão composta por metalofones, xilofones, gongos e tambores, entre outros instrumentos, oriundo da ilha de Java na Indonésia que dá pelo nome de Gamelão.

Ficha artística Criação e interpretação – Elizabeth Davies e Teresa Gentil

Hora

(Sábado) 11:30 - 12:30

Local

Fórum Municipal Romeu Correia

Organizado por

Teatro Extremo

Teatro Extremo - Mythos 10

Teatro ExtremO

Subscrever a Newsletter para receber informação atualizada

Newsletter subscrita com sucesso!

X
Larasati ou Canções de Adormecer Estrelas | Teatro Extremo //for don't appear more videos in youtube

maio, 2018

19mai11:3012:30Larasati ou Canções de Adormecer Estrelas11:30 - 12:30

Ver Mais

Detalhes do Evento

“Larasati ou canções de adormecer estrelas” Elisabeth Davies e Teresa Gentil (Lisboa, Portugal)

P/todos bebés dos 3 aos 24 meses (1ª sessão) e dos 2 aos 5 anos (2ª sessão); 40 minutos; MÚSICA

A companhia

Elizabeth Davies Licenciada em música pela Universidade de Nottingham e em Percussão pela Royal Academy of Music, Londres. Timpanista e chefe de naipe de percussão da orquestra Sinfónica Portuguesa do Teatro Nacional de São Carlos desde 1993. Timpanista da Orquestra Sinfónica do Porto entre 1989-1993. Em 2007, a convite da Embaixada da Indonésia e da Fundação Oriente, obteve formação em Gamelão na ilha de Java.

Teresa Gentil Compositora, performer e investigadora no Inet-MD (Instituto de Etnomusicologia). É licenciada em Composição, pós-graduada em Educação e mestre em Etnomusicologia. Compôs para mais de 30 peças teatrais e colabora regularmente com o serviço educativo da Casa da Música, Fábrica das Artes (CCB) e Plano Nacional de Leitura. Editou quatro
álbuns de originais e foi distinguida com o prémio Zeca Afonso, atribuído pela Câmara Municipal de Almada.

 

O espetáculo

Três países: Indonésia, Inglaterra e Portugal. Três meninas: Elizabeth, Teresa e Larasati (que significa, em Português, menina bonita. É o nome dado ao Gamelão do museu do Oriente). Canções de adormecer estrelas é um espetáculo musical participativo para bebés, que explora timbres e texturas resultantes do interlaçar das melodias de três canções distintas, mas compostas com o mesmo propósito. À voz e ao piano preparado, junta-se esse extraordinário conjunto/orquestra de percussão composta por metalofones, xilofones, gongos e tambores, entre outros instrumentos, oriundo da ilha de Java na Indonésia que dá pelo nome de Gamelão.

Ficha artística Criação e interpretação – Elizabeth Davies e Teresa Gentil

Hora

(Sábado) 11:30 - 12:30

Local

Fórum Municipal Romeu Correia

Organizado por

Teatro Extremo

Teatro Extremo - Mythos 10

Teatro ExtremO

Subscrever a Newsletter para receber informação atualizada

Newsletter subscrita com sucesso!

X